Balanço de 12 meses

Doze meses, em jeito de balanço: de 01-08-2013 a 01-08-2014!…

12meses2

Hoje, quando tiramos estas duas fotos a mostrar que a igreja da Santa Casa da Misericórdia de Caminha já está em condições de receber, a partir desta noite, as novenas em honra de Santa Rita de Cássia, demo-nos conta das transformações que têm acontecido, desde que no dia 01 de agosto de 2013,  tomou posse o atual Provedor desta instituição.

Estas imagens fazem parte dessas transformações e, portanto, em jeito de balanço vale a pena registar e quantificar o trabalho que foi feito pela mesa administrativa que cessou funções em 31 de dezembro de 2013 e a atual que iniciou funções em janeiro de 2014. Não podemos deixar de referir as competentes funcionárias que os coadjuvam.

Os valores que conseguimos através de candidaturas, comparticipações e/ou doações, são de aproximadamente 260 000,00. Podemos dizer que mais da metade desse montante passa a integrar valor patrimonial. Ou seja, nestes 12 meses a SCMC, para além das funções sociais que já prestou e prestará, com os projetos aprovados, executados ou em execução, depois de retiradas todas as despesas, tem efetivamente o seu património aumentado em mais de 150 000,00.

Neste raciocínio, contemplamos, apenas, 10 dos vários projetos ou iniciativas:

1 – Podemos começar justamente pela Igreja da SCMCaminha e as suas obras de restauro e conservação do Coro Alto e do Órgão de Tubos e, também, pela monografia que está há mais de um ano a ser trabalhada, visando os 500 anos de existência da Irmandade. Obras, portanto, que já tinham sido adjudicadas pelo valor de 151 929,60. Este era o valor que pagaríamos única e exclusivamente às custas da instituição. Então, já com as obras em andamento, conseguimos apresentar uma candidatura no âmbito do Programa Operacional Região Norte (ON2) e tivemos a sua aprovação com uma comparticipação de 106 350,72.

 12meses1

2- Prémio BPI Séniors, com o projeto “Idade Maior”, cujo objetivo é dotar as instituições de apoio à população idosa, de meios tecnológicos que permitam dinamizar o dia-a-dia dos idosos, estimulando as capacidades motoras e cognitivas. O valor conseguido é de 20 500,00.

3 – Projeto “Caminha Incub” – Costureiro/a Modista do POPH – Formação para a Inclusão, em que foi dada formação a 18 formandas durante mais de seis meses, com grande sucesso final. O valor conseguido foi de 103 163,31.

4 – Conseguimos, através da apresentação de uma candidatura à Frota Solidária Montepio, uma carrinha nova de 9 lugares. Pode, alternativamente, ser de 7 ou 8 lugares normais e mais uma ou duas cadeiras de rodas, que perfazem os 9 lugares. O valor aproximado do veículo é de 30 000,00.

5 – No âmbito da ação “Ajudar Faz Bem”, promovida pelo Pingo Doce – Distribuição Alimentar, S.A., recebemos 500,00.

6 – Com o apoio total da mesa administrativa, uma equipa de funcionárias da instituição, conseguiu dois prémios: um material, no valor de 1 000,00, em equipamentos informáticos, e o outro imaterial, com a conquista do 3º lugar Nacional nas Olimpíadas da Criatividade. Uma enorme honra proporcionada pelas doutoras: Celisa Alves, Lília Amorim, Paula Carrasqueira e Margarida Capela, respetivamente: diretora administrativa, diretora pedagógica, diretora do Lar de Santa Rita e psicóloga.

7- Relativamente ao Projeto Vidas, da UMP, fomos uma das 20 misericórdias portuguesas que teve a candidatura aprovada. Este projeto, visa identificar a população com demência que já se encontra a receber cuidados em lar, estabelecendo padrões de boas práticas com os recursos existentes, adequando o nível de cuidados a estas necessidades específicas. Em causa está o facto das demências, em Portugal, já atingirem cerca de 180 mil pessoas, 95 mil das quais com Alzheimer.

8 – Prémio “ Sim no Dia da Mãe o Coração é Amarelo”, fruto de uma grande equipa do Jardim Infantil, a SCMC ganha mais este 1º Prémio.

9 – Conseguimos, com a instrução de um processo no âmbito patrimonial, sensibilizar a Direção Geral de Cultura, para iniciar o Procedimento, que foi publicado no D.R., para que a Igreja da Misericórdia de Caminha, seja considerada monumento com a classificação de Interesse Público Nacional.

10 – Conseguimos aumentar com a Segurança Social o Protocolo para serviços de Apoio Domiciliário de 10 para 20 vagas e o número de refeições da Cantina Social de 30 para 50 refeições diárias.

Portanto, a SCMCaminha continuará a merecer a preferência que a tem distinguido desde sempre.

Santa Casa da Misericórdia de Caminha no Facebook
Contactos
 
Sede 258 921 493 e 934 690 164
scmisericordiacmn@sapo.pt
Notícias
NOTÍCIAS ANTERIORES
Eco escolas

facebook